Quinta, 13 Junho 2019 19:13

DEMOCRACIA E SAÚDE Sesau dá início à 8ª Conferência Estadual de Saúde Destaque

Escrito por ASCOM/SESAU
Avalie este item
(0 votos)
Evento vai avaliar situação da saúde pública e propor políticas públicas Evento vai avaliar situação da saúde pública e propor políticas públicas Secom/RR

Na noite desta quarta-feira, 12 de junho, foi realizada a cerimônia de abertura da 8ª Conferência Estadual de Saúde. O evento contou com a participação do governador de Roraima, Antonio Denarium, além de uma apresentação de dados sobre a saúde pública do Estado.

Na oportunidade, Denarium apresentou projetos de melhorias para a saúde, além de ressaltar a importância de ter a sociedade tão próxima para debater as ideias que podem virar propostas para a 16ª Conferência Nacional de Saúde.

“É importante debatermos temas tão relevantes para a saúde, pois sabemos das dificuldades que enfrentamos. Espero que daqui saiam ideias que resultem em propostas que beneficiem não só Roraima, mas o Brasil inteiro”, afirmou, ao relatar a importância da participação do Estado na Conferência Nacional.

Entre os projetos anunciados por Denarium estão reformas nos blocos do HGR (Hospital Geral de Roraima), como o Bloco B, construção do Grande Trauma e do Hospital de Câncer a exemplo do de Barretos, além da entrega de equipamentos para os leitos e centros cirúrgicos do novo anexo do Hospital Geral.

“São importantes melhorias que vão refletir na população. Temos o compromisso de tornar a saúde de Roraima uma referência para o Brasil”, complementou.

A ABERTURA – O secretário de Saúde e presidente do CES (Conselho Estadual de Saúde), Elcio Franco, declarou aberta a Conferência com uma apresentação de dados de atendimentos, internações e procedimentos cirúrgicos nas unidades do Estado desde a migração venezuelana.

Além disso, o titular da Pasta ressaltou que Roraima mudou desde a chegada dos venezuelanos e que eles também precisam de cuidados.

“A crise na Venezuela tem impactado a nossa saúde pública.Os venezuelanos não são privilegiados nas unidades, mas precisamos entender que eles não devem ser tratados como pessoas inferiores”, afirmou.

Durante a apresentação, Franco reforçou que as cirurgias eletivas estão no caminho para serem regularizadas e que a Pasta tem trabalhado com dedicação para reestruturar a saúde do Estado.

“Estamos em processo de adquirir os insumos e medicamentos necessários para regularizar a nossa situação. Queremos dar o atendimento que a nossa população precisa e merece”, pontuou.

A Conferência ainda contou com a presença do coral da Escola Estadual de Roraima, cantando o Hino Nacional e do Estado, e o artista local Alisson Cristian com apresentação cultural.

O EVENTO – A duração da Conferência é de três dias, com a presença de 32 delegados de Boa Vista, selecionados na etapa municipal, assim como 56 delegados dos municípios, sendo quatro de cada um, além de 28 convidados, como presidentes de Ong’s (Organização não governamental) e Associações.

A realização das atividades teve custo zero para a Sesau (Secretaria de Saúde), uma vez que todos os elementos necessários para o evento foram doados, como o espaço, que foi cedido pela UFRR (Universidade Federal de Roraima).

PROGRAMAÇÃO – Na quinta-feira (13), os delegados estarão reunidos para discutir o tema central “Democracia e Saúde” e durante à tarde participarão de palestras do eixo I, “Saúde como Direito”.

Para encerrar, na sexta-feira, 14, será realizada a Plenária Final, que é a apresentação dos resultados da Conferência, e também as eleições dos delegados que representarão o Estado na 16ª Conferência Nacional de Saúde, em Brasília.

 

 

Ler 1000 vezes