Domingo, 16 Fevereiro 2020 20:40

FORTALECENDO A FRUTICULTURA | Governo de Roraima trabalha para alavancar a produção de frutas Destaque

Escrito por SECOM/RR
Desenvolvimento do Estado por meio da agricultura é um dos objetivos da gestão Desenvolvimento do Estado por meio da agricultura é um dos objetivos da gestão Secom

O Governo de Roraima está trabalhando para desenvolver a agricultura familiar. Vários projetos espalhados nos 15 municípios do Estado são apoiados pela Seapa (Secretaria de Agricultura), e a fruticultura é um dos principais focos. Assistência técnica na produção, auxílio no processo de plantio, manutenção e irrigação dos pomares, colheita e transporte das frutas contam com a colaboração de técnicos da Seapa.

O governador Antonio Denarium destacou que o desenvolvimento do Estado, por meio da agricultura, é um dos objetivos da gestão. Frisou também que o Governo conseguiu trazer a Abrafrutas (Associação Brasileira de Produtores de Frutas) para Roraima, o que ajudou na construção do Plano de Desenvolvimento da Fruticultura baseado nos moldes do Plano Nacional.

“O projeto contempla ações de defesa sanitária, exportação, novas tecnologias e assistência técnica, e essa troca de conhecimento entre instituições é fundamental para o crescimento do Estado”, disse o governador.

Um dos projetos executados é a plantação de melão para exportação, por meio do qual dez produtores de Roraima foram até o Rio Grande do Norte conhecer as técnicas utilizadas pela Melão Famosa, uma das maiores produtoras da fruta no mundo.

Além do melão, existem projetos para alavancar a produção de melancia, banana, cacau, caju, abacaxi, graviola, maracujá e a citricultura (limão e laranja).

Seminário de Fruticultura e Dia de Campo em Rorainópolis será realizado nesta semana com apoio do Governo

Nos dias 18 e 19 de fevereiro, o Campus Rorainópolis da Uerr (Universidade Estadual de Roraima) sediará o I Seminário de Fruticultura e Dia de Campo voltado para a agricultura familiar. O evento faz parte do Projeto Integrado da Amazônia, desenvolvido pelo Fundo Amazônia, BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento) e Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária).

De acordo com a Aderr (Agência de Defesa Agropecuária), existem em Rorainópolis cerca de 150 pomares de citros que, na sua maioria, pertencem a agricultores familiares

O Seminário conta com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, da Aderr e da Uerr, e visa fornecer informações necessárias aos agricultores do Território Sul de Roraima sobre Citros, Açaí, Banana, Caçari, Cupuaçu e Maracujá, para incentivar a produção de frutas para o mercado local e regional.

Durante o primeiro dia de evento, serão realizadas mesas redondas com técnicos da Embrapa, professores da Uerr, técnicos da Seapa e agricultores, que discutirão sobre o manejo e conservação do solo; aspectos críticos da citricultura em Roraima; e o empoderamento dos agricultores pela produção de frutas.

No dia 19, o Dia de Campo será no Viveiro Heinz, também localizado em Rorainópolis, e terá visitação às estações de tangerina, limão siciliano e laranja.