GOVERNO DO ESTADO DE RORAIMA

Postado em: Governo de Roraima - 12/08/2017 às 00:51
  • NOVA DIREÇÃO
    Repórter: ÁDRIA SANTOS | Edição: SECOM-RR | Foto: William Roth


    Francisco Fernandes de Oliveira, mais conhecido como “Chiquinho Brasília” tomou posse na tarde desta sexta-feira, dia 11

     

     

     

     

    O contador Francisco Fernandes de Oliveira assumiu a presidência da Cerr (Companhia Energética de Roraima) na tarde desta sexta-feira (11), durante Assembleia Geral Extraordinária do Conselho de Administração da Estatal. Na ocasião, o engenheiro Antônio Pereira Carramilo Neto assumiu a Diretoria Técnica da Cerr.

     

    Uma das primeiras providências do novo gestor será receber a equipe técnica da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), numa reunião prevista para ocorrer ainda neste mês, para iniciar a segunda etapa do levantamento patrimonial da companhia. A primeira foi concluída com base no relatório enviado à Agência.

     

    Os trabalhos da segunda etapa consistem na verificação in loco dos dados informados e partir para a valoração dos bens da empresa. “Além de acompanhar esse trabalho da Aneel, vamos focar na recuperação de créditos. A empresa está em pleno funcionamento e temos que honrar alguns compromissos”, ressaltou.

    Quanto à situação dos servidores, o novo presidente garantiu que por enquanto permanece o quadro de funcionários.

     

    Após determinação do Governo Federal em agosto de 2016, a Cerr deixou de prestar serviço de distribuição, comercialização e geração de energia desde o dia 1 º de janeiro de 2017 aos 14 municípios do Estado. O serviço passou a ser de responsabilidade da Eletrobras Distribuição Roraima.

     

    PERFIL - Francisco Fernandes de Oliveira é graduado em Ciências Contábeis pela Faculdade Integrada Colégio Moderno. Atualmente é professor da Universidade Federal de Roraima e presidente do Conselho Regional de Contabilidade. Foi membro efetivo do Conselho de Administração da Agência de Fomentos do Estado de Roraima S/A, ocupou o cargo de controlador-geral do Estado de Roraima em 2016, e conselheiro fiscal da Cerr.